motor de popa usado motor de popa usado

Motor de popa usado exige atenção

7 minutos para ler

O motor de popa é um modelo bastante comum, usado para embarcações de pequeno porte, como barcos, botes e lanchas. Por isso, muitas pessoas procuram por boas opções de motor de popa usado.

Esse tipo de motor é aquele que possui 1 ou mais hélices. Ele recebe esse nome porque fica instalado, exatamente, na popa do barco, com uma parte ficando de fora da água. 

Quer saber como escolher e manter seu motor de popa usado? Continue a leitura!

Como escolher motor de popa usado?

Antes de comprar motores de popa usados à venda é necessário verificar o estado de conservação do motor. Faça todos os testes nos motores de popa usados à venda que você pretende comprar antes do fechamento do negócio.

Se você não entende muito a respeito de motores de popa, por exemplo, busque ajuda especializada, porque o seu trabalho como pescador deve ser apenas retirar o peixe d’água.

A qualidade do óleo utilizado na manutenção dos motores de popa usados à venda é que vai dizer segundo os especialistas, sobre a qualidade do motor. É importante também verificar se o combustível não está armazenado no motor há muito tempo, porque ele prejudica a carburação.

Por isso, sempre ao terminar de usar o motor de popa, retire todo o combustível e apenas antes da pescaria abasteça novamente.

Outras dicas essenciais

Além disso, outras dicas são essenciais quando estiver pensando em comprar um motor de popa usado, como:

  • Definir se você precisa de um motor 2 tempos ou 4 tempos. Os motores 2 tempos costumam ser mais baratos, porém consomem mais combustível e poluem mais, pois são carburados. Os 4 tempos têm consumo menor, são menos poluentes e são mais silenciosos, porém, custam mais;
  • Avaliar a potência necessária, pois quanto mais potente for o motor, maior será o gasto e também o peso na sua embarcação. Para a maioria dos casos, a potência intermediária é a configuração mais indicada, principalmente no caso de barcos de pesca amadores, por exemplo o motor de popa 15 HP Yamaha usado;
  • Analisar o consumo de combustível, lembre-se que nem sempre os motores mais baratos são os que menos consomem, e no longo prazo, eles podem acabar sendo mais caros, pois você gastará mais com combustível;
  • Avaliar o uso que você fará do motor de popa. Se você for pescar em lago, por exemplo, não é preciso um motor muito potente. Analise, também, o nível de ruído do motor, pois isso pode espantar os peixes.

Como cuidar de um motor de popa usado?

Se você comprou um motor de popa usado ou tem um, precisa se atentar a alguns cuidados, garantindo vida útil longa a esse equipamento. Veja as dicas que separamos.

Manutenção

A manutenção deverá seguir rigorosamente o que está no manual do proprietário. Alguns motores podem ter manutenção anual, outros de 3 em 3 anos e assim por diante. Então sempre confira as indicações do fabricante.

O proprietário também precisa cuidar do seu motor de popa muito bem, independentemente da manutenção indicada pelo fabricante.

Adoçar o motor

Sempre que você chegar da água, o seu motor de popa usado deverá ser adoçado. Isso deve ser feito por quem usa o barco no mar. Se você usa em água doce, não tem necessidade.

Para isso, use o telefone ou orelhão (uma peça que vai presa na rabeta e tem uma mangueira para injetar água doce no motor). Ligue a água e depois dê partida no motor em marcha lenta.

Limpeza

Depois de adoçar, lembre-se de jogar água por fora em todo o motor de popa. Não se esqueça de levantar o motor, para poder acessar o power trim, que também precisa ser lavado.

Outra dica é verificar o estado dos anodos de sacrifício do motor e lavá-los com bastante água doce.

Parte interna do motor

Quem usa o motor de popa no mar, poderá notar um acúmulo de sal na parte interna do capô. Com uma mangueira, jogue água com cuidado, apenas nessa parte para retirar o sal.

Aproveite para olhar se há algum parafuso com sal ou outros detalhes. Limpe essas partes elétricas com pano úmido, não jogue água.

Depois que o motor estiver seco, pulverize silicone (evite os óleos minerais, prefira os neutros). O silicone não ataca as borrachas e os componentes plásticos, porque ele é neutro. Essa é uma ótima forma de repelir o sal.

Nível do óleo

Confira sempre o reservatório de óleo. Os motores 2 tempos costumam queimar o óleo mais rápido, por isso faça essa checagem todas as vezes depois de usar o seu motor – e evite deixar óleo muito tempo acumulado no motor.

Alguns motores também têm pontos de lubrificação que devem ser engraxados regularmente. Esse ponto deve ser verificado no manual.

Depois de fazer todos esses cuidados, tire o capô um pouco e deixe o motor respirar. Mesmo que você não for usar agora o motor de popa, tenha o hábito de deixá-lo um pouco sem o capô. Quando for para a água, coloque o capô novamente.

Vazamentos

Procure de forma atenta no sistema de alimentação de combustível e de lubrificantes se não há nenhum vazamento. Caso note algo, conserte imediatamente.

Retire a gasolina do tanque

Caso o seu motor de popa usado for ficar parado por um tempo, retire a gasolina do tanque. Com 30 dias de armazenagem no tanque, a gasolina perde suas propriedades e começa a prejudicar os filtros, bicos injetores e todo o sistema de alimentação.

Não jogue a gasolina retirada fora, use-a em outro veículo, se for possível. A gasolina tem vida útil de 3 meses. Uma alternativa à retirada da gasolina é usar aditivos que ajudam a manter as propriedades do combustível. Porém, caso você não for ligar o motor (mesmo que seja só um pouquinho, por exemplo, 10 minutos em baixa rotação), em um período de 3 meses, os aditivos não irão resolver.

Qual o melhor motor de popa?

O melhor motor de popa é aquele que se adequa às suas necessidades e está de acordo com o tipo de embarcação que você tem e onde irá navegar.

Escolher um motor de popa usado de uma boa marca é meio caminho andado, pois há uso de melhor tecnologia e tendência a uma boa durabilidade, desde que os cuidados de manutenção sejam seguidos.

O motor de popa Yamaha é um dos mais procurados. Por apresentar uma boa variedade de potências, ótima durabilidade, bom custo-benefício e ser fácil encontrar assistências e peças de reposição em todo o país.

Outra marca de destaque é a Mercury, com produtos bem inovadores, inclusive com modelos recentes que funcionam com gás propano (aquele usado em botijões de gás de cozinha).

Na hora de fazer a escolha, avalie ainda quantos motores você precisará, o que irá depender da atividade do barco e do tamanho dele. Barcos de 30 pés, por exemplo, podem acoplar uma dupla de motores entre 175 a 200 HP. Já para barcos de pesca e embarcações menores, é possível usar um motor de 15 HP ou, se preferir algo mais potente, o motor de popa 40 HP usado.

Com todas essas dicas, ficou mais fácil encontrar e cuidar do seu motor de popa? Se você está procurando um bom motor de popa usado, confira as opções disponíveis na Moto Oeste e equipe seu barco de pesca ou de lazer!

Posts relacionados

Deixe um comentário

× Como posso te ajudar?