Barco de Pesca Barco de Pesca

Barco de pesca: o que avaliar antes de comprar?

8 minutos para ler

Para transformar as pescarias, um bom barco de pesca faz toda diferença. Mas para comprar o ideal, é muito importante levar alguns pontos em consideração, fazendo uma escolha adequada ao seu perfil de pescador e às águas em que irá navegar.

Está muito complicado encontrar o barco de pesca certo? Nós vamos lhe ajudar! Siga lendo as dicas que separamos!

Quais os principais tipos de barco de pesca?

Existem muitos modelos de barco de pesca. Escolher o ideal depende das características da sua pescaria, onde irá navegar, quantas pessoas irá transportar e o peso dessa carga e tralha toda.

Os barcos de alumínio são os mais tradicionais, porque oferecem excelente custo-benefício e têm boa durabilidade, com um casco resistente e leve ao mesmo tempo.

As lanchas de pesca também fazem sucesso. Há opções com proa aberta e cabinadas. As lanchas de proa aberta são mais indicadas para quem deseja curtir e fazer passeios curtos. O tamanho da embarcação, geralmente, varia de 16 a 28 pés e é uma lancha indicada para navegar em lagos e águas abrigadas.

As lanchas cabinadas são versões mais robustas, sendo ideal para pescarias com longa duração, pois há espaço para pernoitar e cozinhar. Essas lanchas têm motorização mais potente e com tamanho que varia de 26 a 40 pés.

Os modelos mais simples podem ser de alumínio, enquanto os mais complexos são de fibra de vidro.

Se deseja algo mais simples e prático, o caiaque de pesca é uma boa ideia. Ele possui vantagens interessantes, como o fato de ser silencioso, principalmente nas versões sem motor, não espantando os peixes, é menor que um barco de pesca convencional, sendo mais fácil de armazenar e transportar e é mais econômico, pois não será preciso pagar combustível, nem armazenamento e outros custos.

Caiaque de Pesca | Moto Oeste

Na mesma linha, ainda há o bote inflável, que pode ser motorizado e oferece um excelente custo-benefício. É ideal para pescadores de final de semana, que não exigem tanta sofisticação e nem espaço de armazenamento.

Bote Inflável | Moto Oeste

Como escolher um barco de alumínio?

De todos os tipos, sem dúvida o barco de alumínio é o mais usado para as pescarias. E isso não é por acaso, já que ele oferece benefícios como: leveza, resistência, boa durabilidade e custo mais acessível, além de não precisar de tratamento especial e ter um design agradável.

Para escolher um bom barco de alumínio, existem alguns pontos que você precisa considerar.

Modelo

O barco de alumínio para pesca pode ser de diferentes formatos – e cada um tem uma indicação própria. Como:

  1. Chato: mais indicado para navegar em águas rasas e sem marolas, como represas e lagos. Ele é mais estável e leve, alcança boa velocidade devido a sua capacidade de aquaplanagem e oferece economia de combustível. Possui bordas baixas e fundo chato, oferecendo bom espaço interno. Porém, não é adequado para quem precisa carregar muito peso ou irá navegar em locais com ondas e corredeiras, devido à borda baixa;
  2. Bico ou quilhado: é usado para navegar em locais com marolas frequentes. O seu formato de bico ajuda o barco a alcançar mais velocidade, porque ele “corta” a água. Tem boa estabilidade em manobras em águas agitadas e uma borda mais alta, que ajuda a proteger o pescador. Como a proa é mais estreita, entretanto, seu espaço interno é menor;
  3. Semi Chato: é considerado o modelo ideal para pescaria, pois equilibra as vantagens e desvantagens dos modelos anteriores. Tem uma plataforma grande e ideal para as tralhas da pescaria esportiva, além de fundo e boca mais largos, que oferecem mais estabilidade, mesmo para navegar em águas agitadas.

Casco

Se for comprar um barco de alumínio usado, sempre confira as condições do casco. Ele deve se apresentar em bom estado, sem rachaduras ou fissuras.

Verifique se, quando o barco está na água, o casco não apresenta bolhas e se o interior do barco está seco. Outro ponto de atenção é com o estado dos rebites.

Motor

Analise qual tipo de motor o barco suporta e, se ele já vier com o motor de popa acoplado, sempre verifique qual a potência e a marca. 

Para barcos usados, é fundamental avaliar o estado do motor, analisando pontos como: espelho de popa, local onde o motor está fixado, temperatura da água e pressão do óleo (que devem estar normais em velocidade de cruzeiro), rotação máxima (que deve ser igual à especificada pelo fabricante) e se não há a presença de sons metálicos, estalos e ruídos.

Test Drive

Se for possível, antes de comprar seu barco de pesca de alumínio, faça um test drive, verificando como é o desempenho do barco na água. Analise a velocidade e a facilidade de navegação que o modelo apresenta, pensando nas características de embarcação que você precisa.

Como escolher um bom barco de pesca?

Apesar de todas as dicas que demos, ainda está difícil encontrar um bom barco de pesca? Separamos mais alguns pontos que você deve verificar.

Quem usará o barco

Antes de começar a pesquisar os diferentes modelos de barco de pesca, pense em quantas pessoas usarão o barco, com qual frequência, em qual tipo de água irão navegar, qual o peso da tralha e outros itens que irão carregar, entre outras informações. Dessa maneira será mais fácil direcionar a sua escolha.

Peso e estabilidade

Depois, é hora de conferir como é o peso e a estabilidade do barco de pesca que você está pensando em comprar. É preciso considerar o peso do motor, do casco, dos equipamentos de pesca e dos tripulantes.

Então, é muito importante escolher um barco que seja capaz de suportar todo esse peso.

Em termos de estabilidade, considere o tipo de água em que irá navegar. Os barcos de borda mais alta são indicados para navegar em locais com marolas ou em situação de alto mar, protegendo os pescadores. Porém, lembre-se que a borda mais alta adiciona peso. Mas para pescarias em alto mar, isso é um ponto favorável.

A regra geral é: se você navega em águas agitadas, prefira um que seja mais estável, como os barcos mais largos. Já para navegar em pequenos lagos ou açudes, não é preciso um barco muito largo, pois a estabilidade é mantida devido a calmaria das águas.

Potência do motor

A potência do motor deve estar diretamente relacionada ao tamanho e ao peso do seu barco de pesca. Se você investir em um motor potente para um barco leve, poderá acabar se acidentando, principalmente se não tiver prática na navegação.

Já se comprar um motor pouco potente para um barco pesado, ele terá um desempenho fraco e consumirá mais combustível. Então, sempre siga as especificações de motorização do fabricante.

Acessórios e outros itens

Os barcos de pesca normalmente são equipados com acessórios que facilitam a vida do pescador, como: porta varas, porta iscas, cortador de iscas naturais, suporte para copo e guarda-sol, viveiro, porta luva na proa para guardar objetos, porta tanque de combustível e porta bateria, suporte para âncora, alça de transporte, remo e suporte para remo, caixa térmica e caixa seca, bancos e cadeiras giratórias etc.

Analise quais desses acessórios são mais importantes para uma boa experiência de pesca.

Lugar da pescaria

O local onde você irá navegar é preponderante na escolha do seu barco de pesca. Se for pescar em águas abrigadas, por exemplo, como rios e lagos, pode optar pelo barco de alumínio ou de fibra, com motor de popa acima de 15 HP ou um motor elétrico.

Para navegação em águas abrigadas marítimas, prefira barcos de fibra ou lanchas, com motores de 15HP para cima. Para quem irá navegar em mar aberto, é preciso uma embarcação potente e segura, com no mínimo 25 pés e 2 motores (um de popa e outro centro-rabeta), com potência mínima de 150 HP.

Onde comprar barco de pesca?

É muito importante comprar um barco de pesca em locais autorizados e bem estruturados, capazes de oferecer todo o suporte e assistência esperado. Por exemplo, na Moto Oeste, concessionária náutica oficial e referência náutica nacional com mais de 35 anos de mercado.

Curtiu este conteúdo?  Que tal colocar nossas dicas em prática? Veja alguns dos barcos de pesca à venda na Moto Oeste e encontre o seu!

Posts relacionados

Deixe um comentário